Como Implantar um Chatbot?

Redação
13 de maio de 2020

Vivemos a era da inteligência artificial, com a incorporação cada vez maior da máquina dentro de empresas, capazes de reproduzir a forma humana de pensar e agir.

Isso se deve à evolução tecnológica, que contribuiu para o desenvolvimento da análise computacional por não somente possibilitar à máquina pensar, como também sentir, ter criatividade e usar a linguagem.

Os chatbots têm se tornado a plataforma preferida de empresas para interagir com seus clientes. A ferramenta oferece uma série de benefícios: um deles é o fato de que com o uso da inteligência artificial não necessita da assistência humana em período integral, assim as organizações podem automatizar a maior parte do setor de atendimento ao cliente e atenderem 24 horas por dia.

Quer saber o que é e como realizar a implantação do programa em sua empresa? Continue lendo este artigo.

O que é chatbot?

Também chamado de assistente virtual, agente virtual ou apenas bot, é um software que, por meio da inteligência artificial, funciona como uma espécie de assistente que se comunica e interage com o usuário utilizando mensagens de texto automatizado.

Geralmente o chatbot fica localizado no canto da tela dos sites de empresas, à disposição para eventuais dúvidas, como se fosse uma central de atendimento. O programa tem sido a alternativa encontrada para manter a qualidade, reduzir custos e diminuir o tempo médio de atendimento, proporcionando satisfação ao cliente.

Como implantar um chatbot inteligente?

Faça um planejamento

Toda implantação, até mesmo de chatbot, exige planejamento inicial. Deve-se avaliar:

• Público e mercado-alvo;
• Cultura organizacional relacionada;
• Amplitude dos serviços;
• Orçamento disposto;
• Objetivo principal;
• Aplicação do bot;
• Qual benefício se pretende alcançar para o negócio e para quais clientes;
• Além de identificar o que será prioridade nesse primeiro estágio de execução.

Avalie o público-alvo e canais

Avaliar os canais e segmentos de atendimento são extremamente importantes, já que possibilita compreender quais serão os tipos de demandas solicitadas pelo chatbot; quais as formas de solução; quais serão os principais assuntos e os que deverão ser transferidos para o atendimento humano.

Nesse estágio, também será possível analisar os principais canais para os quais o chatbot será integrado, como Facebook, WhatsAapp, Telegram, Instagram, websites, blogs, entre outros.

Determine papéis e responsabilidades

Outro aspecto fundamental é estabelecer quem serão os componentes que darão andamento ao projeto, o papel que cada um exercerá, bem como suas principais atribuições, da liderança até o monitoramento e informes sobre o projeto e administração após implementação.

Busque especialistas

A condução do projeto exige a atuação de profissionais especializados em cada área, para que a aplicação funcione da melhor maneira possível. Por isso, é preciso definir quem atuará na organização do conteúdo, experiência do cliente, integração com sistemas obsoletos que ainda estão em operação, etc.

Estabeleça a plataforma de chatbot

Definir qual será o formato da plataforma é um dos aspectos principais. Portanto, busque um parceiro que consiga compreender as necessidades de seu negócio para que você tenha êxito ao implantar o programa.

Gostou do artigo e quer saber mais? Entre em contato conosco  para saber como podemos lhe ajudar, ou fique por dentro de tudo que envolve a implantação do chatbot no nosso blog.

Curtindo nossos materiais? Assine nossa newsletter e receba novos conteúdos por e-mail.



Pin It on Pinterest

Close Bitnami banner
Bitnami